Coletiva 2024 - pós-Carnaval

Recorde: 8 milhões de pessoas curtiram o Carnaval do Rio

Movimentação econômica foi de cinco bilhões de reais

Para fazer história! Na manhã desta quarta-feira (21/02), a Riotur apresentou dados que comprovam o sucesso das atividades realizadas no Carnaval do Rio de Janeiro nos mais diferentes espaços da festa: na Sapucaí; no Terreirão do Samba; na Intendente Magalhães; Avenida Chile e Cinelândia; além dos Bailes Populares.

Cerca de oito milhões de pessoas puderam curtir a festividade, que teve ínicio com o Carnaval de Rua do Rio 2024. Na folia que coloriu as ruas, seis milhões de pessoas ficaram espalhadas pela cidade, com 399 desfiles, ao todo. E os números comprovam a grandiosidade dos blocos, que neste ano tiveram mais de 13 mil ambulantes credenciados e 2.500 Controladores de tráfego, contando com a instalação de mais de 34.000 posições de banheiros químicos; 20.000 metros lineares para proteção dos canteiros de vegetação; nove postos médicos; 450 diárias de ambulância UTIs e 1.200 maqueiros, além de mais de 250 diárias de UTIs móveis. Para a limpeza das ruas, a COMLURB utilizou 2.000 Litros de Essência de eucalipto
concentrada para limpeza das ruas.

Na Sapucaí, 120 mil pessoas por dia desfrutaram do maior espetáculo a céu aberto da Terra. Divididos entre as Séries Ouro, Grupo Especial e Mirins, o público fez questão de marcar presença na Passarela do Samba Professor Darcy Ribeiro, que completa 40 anos em 2024.

Já no Terreirão do Samba, 41 atrações levaram o melhor do samba e do pagode durante 10 dias de evento. Na Intendente Magalhães, 250 mil pessoas animaram as arquibancabadas, durante os desfiles do Grupo de Avaliação, Série Bronze, Série Prata e Blocos de Enredo. Os Bailes Populares não ficam de foram: com 60 palcos oficiais, a Riotur levou alegria durante o Carnaval para 720 mil pessoas durante os quatro dias de eventos.

A movimentação econômica superou as expectativas, com mais de cinco bilhões de reais. Na arrecadação de impostos por ISS, em fevereiro, mês do Carnaval, houve o registro de 500 milhões de reais – sendo 40 milhões só ligados aos setores de Turismo e Eventos). Mais de 50 mil empregos foram gerados no período.

Por um Carnaval mais sustentável

No Carnaval de 2024 foram coletados, nas 4 noites de Desfiles das Escolas de Samba da Série Ouro e Grupo Especial, o total de 24 toneladas de fantasias e adereços. O projeto consiste no recolhimento de insumos deixados após os desfiles. O material é reciclado, enviado para escolas ou projetos, além de serem transformados em produtos.

A Riotur realiza o recolhimento de lonas utilizadas em todos os palcos espalhados na cidade, que são enviados para ONGs e outros transformados em produtos.

Um Carnaval de dados

COMLURB
Remoção de 1.405 toneladas de resíduos, em todos os pontos da festa, desde o início do Pré-Carnaval
até domingo – em 2023, foram 1.236,5 toneladas no mesmo período.

Os blocos de rua geraram 738 toneladas de resíduos, sendo 53,8 toneladas neste fim de semana, com
destaque para os dois últimos megablocos a sair, o Bloco da Anitta (10,5 toneladas), no sábado, e o Monobloco (5,2 toneladas) no domingo. Seis dias de desfiles no Sambódromo geraram 454,7
toneladas, sendo 62,5 toneladas de materiais potencialmente recicláveis.

Na Estrada Intendente Magalhães, das apresentações na Avenida Chile, e dos bailes
populares nos bairros, em todas as regiões da cidade, foram 212,7 toneladas de resíduos, sendo 47, 3 neste último fim de semana de carnaval. Ponto positivo: ajuda dos foliões o que facilitou a limpeza e liberação de vias.

SEOP e GM
Operação especial de Carnaval resultou em 2.454 multas de trânsito, sendo 413 multas neste final de
semana, e 243 remoções de veículos no período. As fiscalizações de táxis e veículos de aplicativos realizadas pelos agentes da Seop resultaram na aplicação de 176 multas a táxis por diversas irregularidades.

Secretaria Municipal de Saúde – SMS
2609 atendimentos, com 149 remoções

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *